Tag Archive | intercâmbio em nova york

Conheça alguns dos melhores museus de Nova York

Quem pretende conhecer Nova York, seja somente a passeio ou fazendo um intercâmbio nos Estados Unidos não pode perder os incríveis museus que a capital do mundo tem a oferecer. São tantas opções que muitas vezes não sabemos nem qual escolher. Por isso hoje separamos uma lista com 5 museus que você deve visitar enquanto estiver na cidade.

 

Ellis Island Immigration Museum

Localizado no porto da cidade de NY, aproximadamente 12 milhões de passageiros foram processados entre 1892 e 1954. Todos os imigrantes que chegavam em Nova York passavam obrigatoriamente pela inspeção médica e legal de Ellis Island, que em 1990 passou por uma grande reformulação, se transformando em um museu dedicado a educar as pessoas sobre a experiência da imigração.

 

Museu de História Natural

Desde sua abertura em 1869, o American Museum of Natural History evoluiu e cresceu. Além do Rose Center Planetarium e das exposições regulares, o museu também recebe exposições circulantes, fazendo com que haja sempre algo novo para ver. O AMNH é um dos melhores e mais interessantes museus do mundo, capaz de agradar todos os gostos, principalmente com suas exposições sobre a evolução das espécies.

museu de historia natural nova york

Guggenheim Museum

O Museu Guggenheim, presente em algumas das mais importantes cidades do mundo, foi desenhado em Nova York pelo arquiteto Frank Lloyd Wright, e possui um famoso design espiral e um layout único. Sua coleção permanente e temporária oferece exposições sobre pinturas e esculturas modernas, além de filmes.

guggenheim nova york

Metropolitan Museum of Art – MET

Mais de 2 milhões de obras de arte de todo o mundo ao longo da história se encontram no Museu Metropolitano de Arte. Você pode facilmente passar anos explorando uma das mais profundas coleções artísticas do planeta, mas mesmo que você tenha somente uma tarde para visitá-lo, você irá se impressionar com a variedade oferecida.

 

New York Historical Society Museum

Localizado na 77th street west, o New York Historical Society Museum oferece aos seus visitantes a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a história da cidade de Nova York. A coleção incluí objetos decorativos, lâmpadas históricas, pinturas, móveis, etc, que revelam o passado fascinante de uma das mais importantes cidades do mundo.

 

Estas são apenas algumas dicas de museus que você deve conhecer ao visitar Nova York. Porém se você pretende fazer um intercâmbio para os Estados Unidos e pode ficar mais tempo na cidade, conheça algumas outras opções imperdíveis!

O que você precisa saber sobre a estátua da liberdade

Um dos maiores símbolos dos Estados Unidos como país é a Estátua da Liberdade, um grande atrativo que você poderá visitar durante seu intercâmbio nos Estados Unidos, caso decida conhecer Nova York.

Como orgulhoso símbolo da cidade de Nova York e de todo o país, a estátua se encontra na entrada da baía do Hudson há mais de 125 anos, sendo atualmente administrada pelo National Park Services. A origem da estátua remota ao século XIX, tendo sido um presente da França para o povo americano, em reconhecimento a aliança estabelecida durante a guerra de independência.

 

Com o nome official de “Liberty Enlightening the World” (Liberdade iluminando o mundo), a estátua foi desenhada pelo escultor francês Frederic Auguste Bartholdi, e construída em totalidade através de doações feitas pelo povo francês. Após uma miniatura ter sido feita por Bartholdi, a estátua começou a ser construída em moldes de madeira, cobre e metal, por Gustave Eiffel, que mais tarde construiria também a famosa Torre Eiffel. Em 4 de julho de 1884 a estátua de 45 metros de altura e 225 toneladas foi entregue ao cônsul americano de Paris, e mais tarde transportada em 300 peças separadas em 215 conteiners.

Por falta de fundos nos Estados Unidos, a construção do pedestal foi atrasada, tendo posteriormente sido alavancada principalmente pelos esforços de captação de doações feitos por Joseph Pulitzer, através do jornal The World, encorajando os americanos a contribuírem. Em outubro de 1886 a estátua finalmente chegou ao seu lugar de origem.
Os sete raios na coroa da estátua representam os sete mares e sete continentes do planeta, e na sua mão esquerda a estátua segura uma escritura com a data “Julho 4, 1776” (independência dos Estados Unidos).

Após os atentados de 11 de setembro a estátua ficou fechada permanentemente para visitação, por medidas de segurança. No entanto, em 3 de agosto de 2004 ela foi reaberta ao público e pode ser visitada normalmente. Muitas das pessoas que vão a Nova York preferem não entrar na estátua por conta das grandes filas, mas se durante o seu intercâmbio Estados Unidos você tiver a oportunidade, faça!

5 motivos para visitar Atlantic City

Você já assistiu ao seriado Boardwalk Empire? Se sim você conhece a Atlantic City dos anos 20. Que tal então conhecer a nova Atlantic City durante o seu intercâmbio nos Estados Unidos, um dos melhores destinos turísticos nos arredores de Nova York?

Por que conhecer Atlantic City? Aqui vão 5 bons motivos

 

Boardwalk: A boardwalk, ou orla de Atlantic City oferece inúmeras opções de entretenimento e lazer, tanto para famílias, quanto para adultos. Com 3 milhas de distância, e vista para o oceano e alguns dos melhores restaurantes da cidade. Na orla você pode também conhecer o famoso museu Ripley’s Believe it or Not. Se você não está muito afim de caminhar, sinta-se a vontade para alugar uma bicicleta e fazer o trajeto com a brisa marinha contra o rosto.

A praia: Um ótimo lugar para você relaxar durante seu passeio em Atlantic City é a praia da cidade. Você pode alugar barracas e cadeiras, mas tenha em mente que nos dias de sol aos finais de semana a praia fica bem cheia. Há guarda vidas de plantão até a hora em que a praia fecha para que você se sinta mais tranqüilo de nadar nas águas do atlântico norte.

 

 

Os Outlets: conhecido como The Walk, e com mais de 100 lojas de outlets, incluindo Coach, American Eagle, Calvin Klein, Nike, H&M e muitas outras, Atlantic City oferece inúmeras opções para você torrar todas as suas economias com consciência e sabendo que estará pagando um valor abaixo do mercado, principalmente se comparamos com os preços brasileiros.

 

Coupons e descontos: Praticamente todos os hotéis e agências de viagens oferecem algo grátis para você em Atlantic City. As vezes pode ser bônus para cassinos, as vezes uma boa refeição em algum restaurante com comida a vontade, ou a entrada para alguma atração ou show que esteja acontecendo na cidade. Mas saiba que durante sua estadia em Atlantic City, se você quiser, algo sairá grátis.

 

Restaurantes e Entretenimento: Por fim, o que Atlantic City tem de melhor para oferecer para seus visitantes. A qualidade da comida, onde você pode comer como se fosse um verdadeiro rei, e toda a adrenalina e agito dos maiores cassinos do estado de Nova Jérsei. Você pode jogar poker, black jack, roleta e uma infinidade de máquinas caça nickel, e ainda desfrutar de drinks de qualidade preparados na hora.

Chegar em Atlantic City partindo de Nova York é extremamente simples, e neste site você encontra todos os detalhes necessários para incluir esta maravilhosa cidade no roteiro do seu intercâmbio Estados Unidos.

Por que Nova York?

Você está na dúvida na hora de decidir para onde fazer seu intercâmbio nos Estados Unidos? Hoje iremos lhe convencer que o lugar ideal para o seu curso de idiomas é Nova York, a cidade que nunca dorme.

Poucas cidades no mundo podem se orgulhar de serem tão globais como Nova York. Com uma população de quase 20 milhões de habitantes na sua região metropolitana, a cidade é o centro financeiro mundial e um dos pontos culturais mais importantes do planeta. No total, mais de 120 idiomas são falados em NYC diariamente na cidade que confunde sua história com o surgimento do país que mais cresceu ao longo do último século. E que tal as inúmeras experiências multiculturais que você poderá viver na cidade? Em Nova York você encontrará a culinária de praticamente todos os países do mundo, alguns dos museus mais importantes da humanidade, e paisagens que você nunca viu na sua vida!

 

Os quatro distritos de Nova York (Manhattan, Queens, Bronx, Brooklyn e State Island), Manhattan é sem dúvida o que melhor descreve a cidade. Repleto de atrativos turísticos e com um ritmo mais que intenso, o novo World Trade Center e o Empire State Building são apenas aperitivos de o que esperar na cidade. Em Manhattan você pode conhecer ainda a gigantesca ponte do Brooklyn, o Rockefeller Center e a sempre filmada Times Square.

Se você não estiver afim de edifícios, atrativos turísticos cheios e barulho de buzinas, que tal o Central Park? O gigantesco parque verde bem no coração da cidade é uma ótima opção para relaxar ouvindo o canto dos pássaros. Você pode ainda pedalar por ciclovias, caminhar, correr, andar de carruagem, e se quiser, visitar o Central Park Zoo.

 

Mas é claro que a cidade de Nova York vai muito além de Manhattan. Em Staten Island você pegar um ferry boat (barca) e passar pela Estátua da Liberdade, além de um gigantesco cinturão verde com 2500 acres contrastando com o cenário de urbanização da cidade. Em Coney Island o New York Aquarium é uma excelente atração para finais de semana, com shows de golfinhos e muito mais.

Tudo isso ainda é pouco para descrever a intensidade da vida e a quantidade de oportunidades que Nova York oferece, e somente fazendo um intercâmbio Estados Unidos para a cidade mais importante do país é que você poderá compreender a dinâmica da vida nesta maravilhosa cidade!

Conheça a Ponte do Brooklyn (Brooklyn Bridge)

Um dos principais atrativos da cidade de Nova York, aqueles que estão a passeio na cidade ou fazendo um intercâmbio nos Estados Unidos tem a obrigação de conhecer esse famoso cartão postal da Big Apple que serve como conexão entre o Brooklyn e Manhattan para milhares de pessoas diariamente.

Concluída em 1883, a ponte liga a ilha de Manhattan ao Brooklyn sobre o East River, e é uma das mais antigas pontes suspensas dos Estados Unidos. Seu projeto foi iniciado pelo arquiteto Joe Roebling (que viria a morrer de tétano durante a fase inicial do projeto), e terminado por seu filho, Washington Roebling que por sofrer de descompressão não podia visitar o local das obras e recebia o auxílio da sua esposa Emily Roebling como braço direito na supervisão da construção.  A inauguração aconteceu no dia 24 de maio de 1883, com uma cerimônia envolvendo o presidente dos Estados Unidos, o prefeito de Nova York e o prefeito do Brooklyn. Naquele mesmo dia mais de 150 mil pessoas e 1800 veículos cruzaram a ponte.

A ponte custou cerca de 15 milhões de dólares e sua construção durou cerca de 13 anos com o total de 27 mortos. A ponte possui 26 metros de largura, 1825 metros de comprimento, 86 metros de altura (na ponta das torres), e uma capacidade de carga de 18.700 toneladas, sendo que atualmente mais de 140 mil veículos circulam pela ponte diariamente. Durante seus primeiros meses, uma série de rumores de que a ponte possuía falhas no projeto e estava comprometida seguiam atordoando a população local. Esses rumores levaram a uma tragédia no Memorial Day do ano de 1883, quando os pedestres em um surto de pânico provocado por um grito começaram a correr, resultando na morte de 12 pessoas. Para controlar o pânico uma jogada publicitária entre um circo local e a cidade ajudou a acalmar os ânimos dos pedestres com uma parada de dezenas de elefantes cruzando a ponte.

A Brooklyn Bridge superou todas as expectativas de longevidade e é uma das pontes suspensas mais antigas do mundo. Ao longo do século XX, diversas intervenções tiveram de ser feitas para manter a segurança pública e para adaptar a ponte ao moderno e complexo fluxo de veículos. Indubitavelmente ela seguirá sendo um dos destaques da cidade mais famosa do mundo e uma atração obrigatória para todos aqueles que visitam a Big Apple, seja a turismo ou através de um intercâmbio Estados Unidos.