Tag Archive | estudar nos estados unidos

Seriados nas principais cidades americanas

Você é daquelas pessoas que adora assistir seriados americanos? Se sim, aproveite seu gosto pelas séries americanas para praticar sua fluência no idioma inglês e conhecer algumas das cidades mais interessantes, onde você poderá fazer seu intercâmbio nos Estados Unidos.

 

O apartamento onde viviam os Friends

Muitos dos seriados americanos acontecem em algumas das cidades mais importantes do país, como por exemplo a franquia CSI, que contava com edições em Nova York, Miami, Los Angeles e Las Vegas. Em cada episódio você pode conhecer um pouco mais sobre a vida nessas cidades, e ver alguns dos principais pontos turísticos e atrativos.

 

No caso de Nova York, sem dúvida o seu maior embaixador foi o seriado Friends, que durante 10 anos foi um dos maiores sucessos em termos de sitcom em todo o mundo. Revezando cenários internos e externos, ao longo das temporadas você pode conhecer lugares como Rockefeller Center, Central Park, Madison Square Garden e Times Square. Além dos lugares, a vida dos protagonistas Joey, Chandler, Mônica, Rachel, Phoebe e Ross nos mostrava de forma muito bem humorada um pouco da vida na Big Apple. No entanto, a série nunca chegou a ser filmada de fato em Nova York, fazendo assim um mix entre filmagens em estúdios na Califórnia, e separados em Nova York.

 

A cidade de Miami é muito bem retratada em duas séries policiais, CSI Miami e Dexter. A primeira é sobre uma unidade especial de investigação policial, focada em solucionar os crimes mais complexos que acontecem na cidade. A segunda, um enorme sucesso no Brasil atualmente conta a história de um serial killer que trabalha para a polícia de Miami, e vive aventuras em todos os cantos da cidade.

 

Orla de Atlantic City

Entre as outras cidades retratadas em seriados, temos a Boston, na série Boston Legal. Los Angeles em Two and a half men. Atualmente, a HBO está com a terceira temporada de um seriado chamado Boardwalke Empire, que conta a história da lei seca durante o início do século XX. A trama se passa no litoral do estado de Nova York, em Atlantic City, uma cidade famosa por seus cassinos, que você pode e deve conhecer durante o seu intercâmbio Estados Unidos em NYC.

Compras? Conheça um pouco mais sobre a Black Friday

Com o crescimento da internet e também com o aumento das compras online por parte dos brasileiros, uma tradicional data do comércio americano começou a ganhar notoriedade no Brasil. O Black Friday, que desde 2005 se caracteriza como o dia mais movimentado para o comércio americano vem se tornando uma data popular para nós. Se você busca fazer um intercâmbio Estados Unidos, se prepare e economize para o dia após o Thanksgiving Day, pois ali você conseguirá ótimas barganhas!

A origem do termo não é totalmente precisa, e muitos comerciantes se opuseram ao nome por se tratar de um termo negativo. Porém, o que se sabe é que a denominação “Black Friday” (originalmente usada para descrever uma crise econômica no mercado do ouro americano em 1869) surgiu na Philadelphia, por volta dos anos 60, quando a polícia local utilizava tal termo para a descrever o caos que tomava a cidade, principalmente no trânsito e também nas calçadas e portas de lojas. Por volta de 1975 o termo começou a ser utilizado em outras cidades e por outros meios de comunicação do país de forma gradativa, até a sua total difusão nos anos 90.

Apesar de atualmente ser a referência na abertura da temporada de compras dos Estados Unidos, a “Black Friday” só entrou na lista dos dias mais movimentados do comércio americano na ultima década. Em 2003 ela alcançou pela primeira vez o topo da lista, figurando em segundo lugar em 2004, e retornando ao primeiro em 2005 e lá se estabelecendo desde então.

Durante muitos anos as lojas abriram por volta das 6:00 da manhã para atender a enorme demanda de clientes, porém com o aumento da popularidade da data, muitas lojas adotaram posturas mais agressivas, abrindo as 5:00, 4:00 e mais recentemente até as 12:00 da quinta feira anterior. Apesar de não ser um feriado oficial, muitas empresas (que não trabalham com venda direta para clientes) optam por enforcar o feriado (quinta com o Thanksgiving até o domingo), aumentando consideravelmente o número dê potenciais compradores na sexta feira.

Com a popularidade da internet, a “Black Friday” evoluiu e se expandiu para os seguintes dias, surgindo o “Sofá Sunday” (relacionado a compras online no domingo seguinte), e a Cyber Monday (barganhas conseguidas na segunda feira sobre as sobras da Black Friday). E se você pretende estudar inglês nos Estados Unidos, tenha em mente os meses de novembro e dezembro, para aproveitar todo o charme da “holiday season” e também as excelentes ofertas da “Black Friday”.

Um pouco sobre a história da Broadway

Conhecer Nova York sem visitar a Broadway é tido por muitas pessoas como um verdadeiro crime. O famoso Theatre District ao longo da Broadway Street e do Lincoln Center representa o mais alto patamar do teatro mundial no idioma inglês e é um “must see” para aqueles que visitam NYC e querem fazer um intercâmbio Estados Unidos na Big Apple.

Com um prestígio mundial, os shows da Broadway atraem anualmente cerca de 10 milhões de expectadores para os seus 40 teatros localizados na ilha de Manhattan, e geram mais de um bilhão de dólares com a venda de ingressos, sendo a forma mais lucrativa de teatro no mundo.

O surgimento

O nascimento do Broadway Theatre data do século XIX, impulsionado pela vocação nova-iorquina como capital americana dos musicais. Em 1810 os primeiros teatros começaram a surgir na ilha de Manhattan e concertos populares envolvendo gospel, blues, baladas irlandesas e muito acordeon e violino passaram a agitar os subúrbios da cidade. Em 1866 surge o que pode ser considerado o primeiro musical, entitulado “The Black Crook”, com influencias do recém chegado estilo europeu “operetta” proveniente da Alemanha, França, Veneza e das comédias inglesas (buffa).

A ascensão

Com a chegada do século XX os musicais caíram definitivamente no gosto dos americanos e o crescimento da Broadway se tornou inevitável. Em pouco tempo a região se tornou o centro das atenções criativas, culturais e intelectuais, com a criação da Times Square e chegada do metrô de NY.

Notoriedade mundial

A segunda metade do século XX foi de consolidação mundial para a Broadway e diversos musicais ganharam fama em todo o mundo. Dos mais famosos se destacam West Side Story, Chicago  e My Fair Lady (sendo este o musical que mais tempo ficou em cartaz na história da Broadway).

A Broadway hoje em dia

Se você está visitando ou fazendo um intercâmbio em Nova York você pode comprar bilhetes para assistir uma peça da Broadway no mesmo dia e com extrema facilidade, em vários locais da cidade ou pela internet no próprio site da Broadway. As peças normalmente acontecem entre terça e domingo, as 19:00 ou 20:00, e quarta, sábado e domingo com matinês as 14:00.

Mesmo que você não seja um apaixonado por teatro vale a pena conferir uma das dezenas de apresentações diárias da Broadway. Os temas são variados e podem ser voltados para o público infantil, como no caso de O Rei Leão e Homem Aranha, ou para apaixonados por esportes como a peça que conta a carreira de Mike Tyson. O importante é que se você está na cidade de Nova York ou fazendo um intercâmbio nos Estados Unidos, você aproveite a oportunidade de ver grandes artistas ao vivo e de tão perto.

Desfrute dos Jogos Olímpicos grátis!

Hoje nós não escreveremos sobre intercâmbio Estados Unidos, e aproveitaremos a proximidade dos Jogos Olímpicos de Londres para escrever um pouco sobre o maior evento esportivo do mundo. Neste momento a cidade já está com quase tudo pronto e trata somente dos últimos detalhes para fazer deste evento um dos mais memoráveis da história. Para isso, o governo local decidiu organizar além dos eventos esportivos habituais, uma série de shows, Flash Mood, exposições, etc. Por isso, se você estiver pela cidade durante as olimpíadas, se prepare para participar de muitos acontecimentos.

Um dos núcleos centrais das celebrações será o famoso Hyde Park, onde acontecerão muitos eventos gratuitos e outros pagos. No Hyde Park haverá música ao vivo com artistas internacionais, apresentações culturais e exposições que mostrarão os maiores talentos do Reino Unido. No parque também acontecerão as provas de triátlon e maratona. Além das competições, o Hyde Park recebe também o Festival Olímpico, o maior de Londres e que estará aberto para maior público. Os eventos acontecerão entre 27 de julho e 12 de agosto.

Acostumado a receber multidoes, o Hyde Park será um dos pontos capitais das olímpiadas, e se você nao tem ingresso para algum evento, desfrute do telao com uma multidao de apaixonados por esportes!

Na cidade estarão alguns telões gigantes para que as pessoas possam acompanhar as competições em clima de festa. Por isso, se você não conseguiu ingresso para assistir aos atletas ao vivo, poderá vê-los em ambientes festivos, com muita celebração e ao ar livre. As projeções acontecerão principalmente no Hyde Park e no Victoria Park (que também receberá alguns eventos especiais). No clube do livro de Basecamp você poderá acompanhar toda a ação dos jogos em um telão enquanto desfruta de uma cerveja ou de piscina para crianças. Além desses pontos você poderá ver também na Península Festival London e no Pleasure Gardens.

Festa de abertura no está Wembley será transmitida através de teloes pela cidade!

Por isso, se você estará em Londres e não conseguiu comprar ingressos para assistir aos eventos, não se desanime por que a cidade estará pulsando agito e em cada esquina haverá algo para fazer ou um motivo para celebrar e aproveitar

Um pouco sobre o Central Park!

Nova York é muito bem conhecida por seus arranha-céus, que praticamente dominam todo o cenário da ilha de Manhattan. Mas ali, bem no centro da ilha, entre a 5ª e 8ª avenida, no Midtown Center está um terreno de mais de 800 acres que representa o coração verde da Big Apple e proporciona um bonito contraste e equilíbrio com o cenário ao seu redor. O Central Park faz parte da vida dos Nova-iorquinos e para quem vai fazer um intercâmbio nos Estados Unidos é um local ideal para aproveitar as tardes livres, seja estudando, passeando, ou somente respirando o ar puro dessa enorme area verde.

O parque das elites

A história do parque data do século XIX, quando o terreno rochoso e pantanoso se mostrava inapropriado para construções comerciais, e os Estados Unidos desejavam vencer um preconceito de que sua população (diferente da inglesa) era tomada por um individualismo e falta de senso cultural. No ano de 1857 a prefeitura da cidade desalojou cerca de 1500 pessoas (classes baixas em totalidade) para a criação do parque, que passaria suas primeiras décadas voltado em especial para as elites da cidade. Uma longa caminhada o separava das classes trabalhadoras e o transformava no ambiente perfeito para que os mais abastados pudessem exibir suas belas carruagens nos finais de semana e desfrutar de eventos culturais.

O parque do povo

Com o crescimento da cidade no século XX, o parque foi se desenvolvendo mais de acordo com as necessidades da população e passou a ter um caráter mais democrático. Em 1926 famílias de classe média passaram a poder levar seus filhos para brincar no parque infantil recém inaugurado. O sucesso do apelo lúdico familiar foi tão grande que em 1940 já havia mais de 20 areas recreativas e desportivas.

O declínio e o parque hoje

Nos anos 60 e 70 o parque viveu seu pior momento, sofrendo com o descaso de administrações precárias, e se tornando um símbolo da decadência nova-iorquina. Os passeios se tornaram cobertos de lixo e grama, as construções tomadas por pichações e o crime e a prostituição passaram a prevalecer no período noturno. Tudo isso levou o Central Park a um renascimento nos anos 80 que incluía campanhas de arrecadação de fundos, produção de filmes e documentários e festivais abertos ao público para resgatar a verdadeira identidade do local. Atualmente o Central Park é a atração principal de recreação dos nova-iorquinos, e recebe quase 8 milhões de visitantes por ano para as mais variadas atividades que incluem lazer, descanso e turismo.

Se durante seu intercâmbio Estados Unidos você deseja realmente viver o estilo de vida nova-iorquino lembre-se de passar algumas tardes descobrindo e desfrutando das belezas do Central Park.

Os festivais de verão em Nova york

Agora no verão, Nova York oferece uma enorme lista de atividades para desfrutar da cidade. A combinação de música, teatro, filmes e festas em uma das cidades mais charmosas do mundo transformará o seu verão e seu intercâmbio Estados Unidos, dando uma nova ótica sobre a cidade. Vejamos alguns dos festivais mais importantes de Nova York:

Cinema grátis ao ar livre em Nova York

SummerStage: este festival se celebra em mais de 18 parques nos 5 distritos da cidade, sendo o Rumsey Playfield no Central Park o ponto principal. De 5 de junho à 31 de agosto são celebrados shows, teatro e festas. A maioria dos eventos é grátis, mas alguns exigem a compra de bilhetes.

Celebrate Brooklyn: entre 5 de junho e 11 de agosto, diversos espetáculos ao ar livre acontecem principalmente no Prospect Park. O festival inclui shows, cinema e dança, sendo a maioria grátis.

River to River: esse é o maior festival do centro de Manhattan e acontece em diversos parques e espaços públicos, desde Chambers até o Battery Park. As artes visuais, a música, o cinema e o teatro inundam a região. Este festival é inteiramente grátis e acontece entre 17 de junho – 15 de julho.

Summer on the Hudson: no parque Riverside, de maio a setembro se organizam filmes ao ar livre, obras de teatros e atividades como aulas de dança, ioga, pilates e etc. Aos domingos a partir das 19:00 há música com o Amplified Sundays.

Lincoln Center Out of Door: de 25 de julho a 12 de agosto, este festival inclui shows de jazz, dança contemporânea, world music e muito mais. Acontece no Lincoln Center.

Festival com espetáculos de musica no Brooklyn

Take me to the River: celebrado há mais de 20 anos em vários pontos do Rio Hudson, inclui atividades para adultos e crianças como música, aulas de dança e etc. Você pode aproveitar deste festival enquanto faz seu intercâmbio para Estados Unidos.