A independência do Canadá

O dia 4 de julho é provavelmente o feriado mais famoso da América do Norte e nós brasileiros sabemos bastante coisa sobre a independência dos Estados Unidos através de filmes (ex: O patriota), e pelo que estudamos na escola. Mas o que sabemos sobre a independência do Canadá? Bem, muito pouca coisa. Por tanto, se você quer fazer um intercâmbio Canadá, que tal conferir um pouco mais sobre a história desse país?

Diferente de muitos países, o Canadá foi um dos poucos que alcançou sua independência através da legislação e não pelo caminho da revolução. Também não foi um processo imediato, e sim uma evolução gradativa que durou quase um século.

No século XIX, havia diversas colônias britânicas na América do Norte, de Vancouver a Newfoundland. Muitas dessas colônias já possuíam autonomia e governo próprio em meados do século. Nos anos de 1860, após diversas conferências, delegados das colônias do leste decidiram se unir em um governo federativo autônomo. Uma comitiva foi enviada ao Reino Unido para discutir e negociar a independência, jurando lealdade a Coroa. O conceito foi aceito pela Grã Bretanha, e em 1 de julho de 1867 foi aprovado o Britain North America Act, unindo diversas colônias em uma nova nação. Esta data é hoje conhecida como Canada´s Day e é um feriado nacional em celebração a independência do país.

Porém mesmo após a independência o país seguia umbilicalmente ligado ao Reino Unido. Somente após o fim da Primeira Guerra Mundial o Canadá se posicionou como nação autônoma, exigindo uma cadeira no Tratado de Versalhes, o que significava pela primeira vez o direito a exercer uma opinião a parte do Reino Unido. A Suprema Corte canadense também só foi obter caráter supremo após a Segunda Guerra Mundial, e até então apelações podiam ser levadas até a Suprema Corte britânica. O momento final de reconhecimento veio em 1982 quando houve a patriação da Constituição do Canadá, que dava plenos poderes ao Parlamento do país (até então, modificações na constituição só podiam ser feitas com a aprovação do Parlamento Britânico).

 

Monumento a Rainha Victoria, uma das protagonistas na independência canadense

No total há muitas datas e eventos que contribuíram para a independência do Canadá, e é difícil apontar a data exata da independência. O país só conseguiu sua autonomia total em 1982, mas o sentimento de nação canadense já datava de muitos anos antes. Com um intercâmbio para Canadá com certeza será possível entender o momento exato da independência, conhecendo melhor a cultura e a história do país.

Anúncios

Tags:, , , , , ,

About StudyGlobal Intercâmbio e Cursos de Idiomas

StudyGlobal oferece cursos de idiomas em mais de 70 destinos! Estude um idioma em um lugar onde ele é falado oficialmente e descubra as vantagens de um programa de imersão total. Aprenda Inglês, Espanhol, Francês, Alemão, Italiano, Russo, Português ou Chinês e tenha uma das melhores experiências de sua vida! Escolha um dos nossos diversos programas, feitos de acordo com suas necessidades sejam elas, preparação acadêmica, razões profissionais ou simplesmente por diversão e interesses culturais. Temos programas para cada gosto, idade e interesse! Cursos de idiomas, preparação para exames (TOEFL, TOEIC, Cambridge, DELE, DELF, etc.), cursos combinados como Espanhol Estágio, Espanhol Flamenco, Inglês Mergulho, Inglês Surf, Inglês Trabalho ou Francês Culinária Francesa, programas voluntários na África do Sul ou Aventura Espanhol na Venezuela! Suas opções são ilimitadas!

2 responses to “A independência do Canadá”

  1. bru says :

    que coisa nao achei quanto tempo durou !!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: