Archive | julho 2012

Desfrute dos Jogos Olímpicos grátis!

Hoje nós não escreveremos sobre intercâmbio Estados Unidos, e aproveitaremos a proximidade dos Jogos Olímpicos de Londres para escrever um pouco sobre o maior evento esportivo do mundo. Neste momento a cidade já está com quase tudo pronto e trata somente dos últimos detalhes para fazer deste evento um dos mais memoráveis da história. Para isso, o governo local decidiu organizar além dos eventos esportivos habituais, uma série de shows, Flash Mood, exposições, etc. Por isso, se você estiver pela cidade durante as olimpíadas, se prepare para participar de muitos acontecimentos.

Um dos núcleos centrais das celebrações será o famoso Hyde Park, onde acontecerão muitos eventos gratuitos e outros pagos. No Hyde Park haverá música ao vivo com artistas internacionais, apresentações culturais e exposições que mostrarão os maiores talentos do Reino Unido. No parque também acontecerão as provas de triátlon e maratona. Além das competições, o Hyde Park recebe também o Festival Olímpico, o maior de Londres e que estará aberto para maior público. Os eventos acontecerão entre 27 de julho e 12 de agosto.

Acostumado a receber multidoes, o Hyde Park será um dos pontos capitais das olímpiadas, e se você nao tem ingresso para algum evento, desfrute do telao com uma multidao de apaixonados por esportes!

Na cidade estarão alguns telões gigantes para que as pessoas possam acompanhar as competições em clima de festa. Por isso, se você não conseguiu ingresso para assistir aos atletas ao vivo, poderá vê-los em ambientes festivos, com muita celebração e ao ar livre. As projeções acontecerão principalmente no Hyde Park e no Victoria Park (que também receberá alguns eventos especiais). No clube do livro de Basecamp você poderá acompanhar toda a ação dos jogos em um telão enquanto desfruta de uma cerveja ou de piscina para crianças. Além desses pontos você poderá ver também na Península Festival London e no Pleasure Gardens.

Festa de abertura no está Wembley será transmitida através de teloes pela cidade!

Por isso, se você estará em Londres e não conseguiu comprar ingressos para assistir aos eventos, não se desanime por que a cidade estará pulsando agito e em cada esquina haverá algo para fazer ou um motivo para celebrar e aproveitar

Os festivais de verão em Toronto!

A chegada do verão significa também a chegada da temporada dos festivais na bela cidade de Toronto. Se você pretende conhecer o Canadá ou fazer um intercâmbio em Toronto durante esses meses de julho e agosto se prepare para eventos de qualidade mundial e muito agito.

Expressions of Brazil (6– 8 de julho): Para aqueles que estão com um pouco de saudade da terra natal, esse festival mistura artes, culinária, dança, música e muitos outros aspectos da nossa singular cultura. Acontece no Harbourfront Centre e é grátis.

Summerlicious (6 – 22 de julho): Para os apaixonados por culinária, este festival envolve diversos restaurantes ao redor da cidade, oferecendo menus com enormes descontos. É a oportunidade ideal para você descobrir a culinária canadense. Você pode segui-los no twitter: @LiciousTO

Beaches Jazz Festival (20 – 29 de julho): O festival tem início no dia 20 de julho no Woodbine Park. Porém as atrações principais se apresentam no final de semana seguinte na Queens Street East e em Kew Gardens (The Beaches). Excelente opção para um piquenique já que acontecem em areas verdes. Grátis.

Toronto Beer Festival (27 – 29 de julho): O nome deste festival já diz tudo, cerveja, cerveja e cerveja…O evento acontece em Brandshell e você deve comprar entradas com antecedência (atenção, pois os ingressos se esgotam fácil). Entradas restritas para maiores de 19 anos.

Salsa on Saint Clair (7 – 8 de julho): Oitavo ano do festival mais caliente de Toronto e que atrai mais de 1 milhão de pessoas. Acontece na Saint Clair Av., e oferece muita música, comidas típicas, danças, mercado latino, e aulas grátis. O festival é gratuito.

Scotiabank Carebbean Carnival (10 julho – 16 de agosto): Um pouco diferente do carnaval que estamos acostumados, mas com a mesma paixao e intensidade. Comemorando seu 44º aniversário mais de 10 mil pessoas participarão do desfile de 3.6 kilômetros. Grátis (algumas atrações são pagas).

Scotiabank Buskerfest (23 – 26 de agosto): Com a apresentação dos 100 melhores artistas de rua do mundo esse festival é um “must see” por suas cores, artistas e principalmente pelo inesperado. O festival acontece nos arredores do mercado St. Lawrence e é grátis.

Summer Music in the Garden (quintas e domingos de Julho – Setembro): Todas as quintas as 19:00 e domingos as 16:00 grupos musicais dos mais variados gostos se apresentam grátis no Toronto Music Garden. Confira o site antes caso haja algum cancelamento.

Esses são apenas alguns dos muitos festivais que agitam a cidade de Toronto, já que os meses de junho, julho e agosto estão repletos de eventos para transformar o seu intercâmbio Canadá uma experiência única e inesquecível.

Quer fazer um intercâmbio em Vancouver? Então conheça as melhores praias da região

Aproveitando o clima de verão que toma conta do hemisfério norte, porque não escrever sobre as praias de Vancouver para aqueles que estão desfrutando ou pretendem passar o verão fazendo um intercâmbio Canadá?

Separamos uma lista com as melhores praias da região:

English Bay Beach:  localizada no West End, ao final do Stanley Park (junto a Seawall), a English Bay Beach é a definição de praia urbana. Areia e banhistas justo ao lado de restaurantes, lojas e ruas movimentadas. Essa praia é o ponto ideal para assistir a celebração internacional de fogos de artifício (esse ano tem Brasil competindo!), que acontece anualmente no mês de julho

Kitsilano Beach: a versão canadense de Copacabana, essa é a praia mais prestigiada de Vancouver. Com a mesma beleza das demais praias aqui listadas, seu verdadeiro atrativo está nas areias com milhares de pessoas que vem para ver e serem vistas se bronzear.  A praia é muito boa para famílias também por possuir ondas calmas e a Kits Pool para crianças.

Praia e piscina lado a lado na “Kits”

Spanish Banks: a praia favorita de quase todos os residentes de Vancouver, a Spanish Banks se estende ao longo da costa oeste da cidade, longe do tumulto da cidade. Perfeita para churrascos em família, para deixar as crianças brincarem a vontade, e para uma caminhada, a hora ideal para frenquentá-la é de manhã e no fim da tarde quando a maré baixa permite que você nade com mais tranquilidade.

Jerico Beach: lar do Jericho Sailing Centre – lugar ideal para um almoço barato e espetacular vista – e o Jericho Park, essa praia é perfeita para velejar, caminhar, jogar tênis e pedalar ao longo da orla, principalmente durante o por do sol. Jericho Beach é também o local onde se realiza o Festival de Folk de Vancouver.

Wreck Beach: para aqueles que preferem um contato maior com a natureza, esta praia famosa pelo seu ambiente hippie (é uma praia de nudismo!) é uma beleza natural pura. Na parte da tarde a maré alta tende a cobrir boa parte da areia, o que não chega a ser um problema e destaca ainda mais a beleza do lugar.

Essas são apenas algumas das praias de Vancouver, mas se você está passeando ou fazendo um intercâmbio no Canadá (ou um intercâmbio em Vancouver) vale a pena passar algumas tardes de sol se bronzeando e relembrando um pouco o nosso estilo de vida brasileiro.

Um pouco sobre o Central Park!

Nova York é muito bem conhecida por seus arranha-céus, que praticamente dominam todo o cenário da ilha de Manhattan. Mas ali, bem no centro da ilha, entre a 5ª e 8ª avenida, no Midtown Center está um terreno de mais de 800 acres que representa o coração verde da Big Apple e proporciona um bonito contraste e equilíbrio com o cenário ao seu redor. O Central Park faz parte da vida dos Nova-iorquinos e para quem vai fazer um intercâmbio nos Estados Unidos é um local ideal para aproveitar as tardes livres, seja estudando, passeando, ou somente respirando o ar puro dessa enorme area verde.

O parque das elites

A história do parque data do século XIX, quando o terreno rochoso e pantanoso se mostrava inapropriado para construções comerciais, e os Estados Unidos desejavam vencer um preconceito de que sua população (diferente da inglesa) era tomada por um individualismo e falta de senso cultural. No ano de 1857 a prefeitura da cidade desalojou cerca de 1500 pessoas (classes baixas em totalidade) para a criação do parque, que passaria suas primeiras décadas voltado em especial para as elites da cidade. Uma longa caminhada o separava das classes trabalhadoras e o transformava no ambiente perfeito para que os mais abastados pudessem exibir suas belas carruagens nos finais de semana e desfrutar de eventos culturais.

O parque do povo

Com o crescimento da cidade no século XX, o parque foi se desenvolvendo mais de acordo com as necessidades da população e passou a ter um caráter mais democrático. Em 1926 famílias de classe média passaram a poder levar seus filhos para brincar no parque infantil recém inaugurado. O sucesso do apelo lúdico familiar foi tão grande que em 1940 já havia mais de 20 areas recreativas e desportivas.

O declínio e o parque hoje

Nos anos 60 e 70 o parque viveu seu pior momento, sofrendo com o descaso de administrações precárias, e se tornando um símbolo da decadência nova-iorquina. Os passeios se tornaram cobertos de lixo e grama, as construções tomadas por pichações e o crime e a prostituição passaram a prevalecer no período noturno. Tudo isso levou o Central Park a um renascimento nos anos 80 que incluía campanhas de arrecadação de fundos, produção de filmes e documentários e festivais abertos ao público para resgatar a verdadeira identidade do local. Atualmente o Central Park é a atração principal de recreação dos nova-iorquinos, e recebe quase 8 milhões de visitantes por ano para as mais variadas atividades que incluem lazer, descanso e turismo.

Se durante seu intercâmbio Estados Unidos você deseja realmente viver o estilo de vida nova-iorquino lembre-se de passar algumas tardes descobrindo e desfrutando das belezas do Central Park.

Os festivais de verão em Nova york

Agora no verão, Nova York oferece uma enorme lista de atividades para desfrutar da cidade. A combinação de música, teatro, filmes e festas em uma das cidades mais charmosas do mundo transformará o seu verão e seu intercâmbio Estados Unidos, dando uma nova ótica sobre a cidade. Vejamos alguns dos festivais mais importantes de Nova York:

Cinema grátis ao ar livre em Nova York

SummerStage: este festival se celebra em mais de 18 parques nos 5 distritos da cidade, sendo o Rumsey Playfield no Central Park o ponto principal. De 5 de junho à 31 de agosto são celebrados shows, teatro e festas. A maioria dos eventos é grátis, mas alguns exigem a compra de bilhetes.

Celebrate Brooklyn: entre 5 de junho e 11 de agosto, diversos espetáculos ao ar livre acontecem principalmente no Prospect Park. O festival inclui shows, cinema e dança, sendo a maioria grátis.

River to River: esse é o maior festival do centro de Manhattan e acontece em diversos parques e espaços públicos, desde Chambers até o Battery Park. As artes visuais, a música, o cinema e o teatro inundam a região. Este festival é inteiramente grátis e acontece entre 17 de junho – 15 de julho.

Summer on the Hudson: no parque Riverside, de maio a setembro se organizam filmes ao ar livre, obras de teatros e atividades como aulas de dança, ioga, pilates e etc. Aos domingos a partir das 19:00 há música com o Amplified Sundays.

Lincoln Center Out of Door: de 25 de julho a 12 de agosto, este festival inclui shows de jazz, dança contemporânea, world music e muito mais. Acontece no Lincoln Center.

Festival com espetáculos de musica no Brooklyn

Take me to the River: celebrado há mais de 20 anos em vários pontos do Rio Hudson, inclui atividades para adultos e crianças como música, aulas de dança e etc. Você pode aproveitar deste festival enquanto faz seu intercâmbio para Estados Unidos.

Convença seus pais a te deixar fazer intercâmbio!

Estudar no exterior é o sonho de muitos jovens brasileiros e é uma excelente oportunidade de ter uma vida independente e complementar os estudos. A maioria dos estudantes brasileiros tem preferência por inglês e por isso optam por intercâmbio Canadá, além de outros destinos como Irlanda, Estados Unidos e Inglaterra, porém muitos pais ainda têm medo de deixar os filhos irem para tão longe, principalmente pelo desconhecimento. Se esta é a sua situação, siga lendo o nosso artigo para que consiga convencê-los.

 

Primeiramente, você deve se planejar bem e mostrar a eles que seu desejo não é uma coisa passageira e infantil. Pesquisar diferentes vôos, horários e destinos lhe ajudará a ter mais propriedade na hora de convencer-los. Pesquise sobre segurança, clima, localização da escola e hospedagem, pois você será bombardeado com perguntas deste tipo e se já tiver a resposta na ponta da língua, ponto positivo para você. Em seguida, é bom que você tenha um planejamento de quanto pretende gastar. Você não precisa entrar em detalhes, mas muitos pais tem medo que os filhos gastem todo o dinheiro nos 2 primeiros dias e por isso é bom mostrar maturidade nesta hora.

Tente mostrar para eles a vantagens de estudar no exterior para o seu crescimento pessoal e profissional. Tente sempre se mostrar aberto a conselhos e perguntas, já que mesmo que seus pais abracem a idéia, eles se sentirão na obrigação de dar sugestões e exigir algumas coisas. Lembre-se também que para eles será uma situação tão inédita quanto para você e tente confortá-los em relação a distância argumentando que atualmente a tecnologia proporciona momentos de proximidade mesmo a milhares de kilômetros de distância, através de e-mails, Skype e Smart Phones.

Se você tiver respostas coerentes para as perguntas dos seus pais, não haverá motivo para que não te deixem ir. Na internet você poderá encontrar milhares de notícias e artigos comprovando a importância de um intercâmbio na vida de um estudante, e seus pais devem estar cientes disso. Se você fizer tudo de acordo com este guia, só lhe restará arrumar suas malas e embarcar para o seu intercâmbio no Canadá, Estados Unidos ou qualquer outro destino que você queira conhecer! Boa viagem!

Visite os Lagos Louise e Moraine no Canadá

Uma coisa que dificilmente faltará durante um intercâmbio Canadá serão lugares para se conhecer. Por suas dimensões continentais o país surpreende a todos com uma imensidade de atrações que para nós brasileiros beiram o exótico. Uma das maiores belezas do país está nos seus lagos glaciais que mesclam o azul brilhante da água, com o verde das árvores e o branco da neve, e compõe um cenário quase indescritível.

Moraine Lake

Desde 1902 os dois lagos (Moraine e Louise) fazem parte do Banff National Park, na província de Alberta, e estão somente a 1 hora e 30 minutos de viagem de Calgary. Sua “Descoberta” por não nativos se deu em 1882, e o lago passou a ser visitado de fato em 1890 com a construção da linha transcontinental canadense e a instalação de um centro de hospedagem para acomodar os visitantes. Um trabalho intenso da Canadian Pacific Railway ajudou a divulgar a beleza dos lagos e atrair turistas ao longo dos anos, transformando-os em uma das principais atrações dentro das Rocky Mountains canadense.

Aqueles que querem desfrutar da beleza dos dois lagos e do Banff National Park devem comprar um passe diário que custa cerca de 9 C$. Dentro do parque, muitas atividades podem ser feitas como trilhas, esqui, cavalgadas, mountain biking, passeios de canoas e etc. As trilhas estão para todos os gostos e podem ser curtas (Rockpile: 300 metros ao redor do Lago Moraine) ou desafiadoras (Fairview Mountain: 2744 metros de subida a partir do Lago Louise), e prepare sua câmera fotográfica, pois em cada passo você encontrará as paisagens mais bonitas que já viu na sua vida.

Diferente de lugares como Aspen e Vail, Lake Louise não é um lugar para baladas e curtição, principalmente pela sua condição isolada, por tanto não espere uma agitada experiência noturna. Porém, espere um dos cenários mais bonitos de todo o continente, com fauna e flora únicas, muita hospitalidade, opções de lazer e excelente estrutura, um programa perfeito para aqueles que fazem um intercâmbio no Canadá.