Archive | maio 2012

Conheça o Calgary Stampede!

Se você acha que o maior rodeio do mundo está localizado no Texas, pense de novo. O famoso Calgary Stampede, rodeio anual da cidade de Calgary não só é o maior do mundo, mas também ostenta o título de o “maior show a céu aberto do planeta”. Um intercâmbio para o Canadá talvez seja a melhor forma de conhecer e viver esse lado cultural do país que pouco conhecemos.

 Durante o mês de julho (esse ano o evento acontece entre 6 – 15 de julho) toda a cidade entra no clima do Calgary Stampede, que data do final do século XIX e atrai milhares de pessoas vestidas no clássico estilo western, com botas, blusas xadrez, fivelas ovais, e claro, os famosos chapéus de cowboy.  Centenas de atividades para todas as idades acontecem entre os dois finais de semana de evento que recebe mais de 1 milhão de visitantes todos os anos. Parques de diversão, shows musicais, teatro a céu aberto, corridas, cavalgadas, rodeio, paradas e exposições são apenas ALGUMAS das opções!

Muitas atividades são INTEIRAMENTE GRÁTIS e incluem entretenimento na Rope Square (Olympic Plaza) e cafés da manhã com panquecas em diversos lugares espalhados pela cidade!!! A area exclusiva do evento abre às 8 da manhã, mas as atividades começam de fato por volta das 11. Algumas atividades como as agropecuárias podem ser totalmente subestimadas especialmente se você está acostumado com uma vida urbana, mas atenção: há diversas apresentações e competições gratuitas muito interessantes, como a de ferreiros, cães pastores e muito mais. Os pontos altos do evento acontecem no final das tardes, com rodeios e corridas de chuckwagon. O local fecha às 23 horas, com a tradicional queima de fogos diária (outro must see!!), e o C-Train durante os dias do evento funciona 24 horas.

Carruagens Chuck Wagon

Os preços podem ser um pouco altos já que estamos falando do principal rodeio do mundo, e o ideal é sempre se planejar com antecedência. Mas mesmo que você não esteja disposto a pagar para assistir alguns shows, muitas coisas como desfiles e exposições acontecem em areas públicas e são totalmente grátis, além da singular atmosfera que domina a cidade durante as duas semanas de evento. Para quem está a mais tempo no país fazendo um intercâmbio no Canadá, vale a pena ir a Calgary no verão para participar dessa enorme festa.

Anúncios

As inúmeras atrações do Canadá

Por que a maioria dos estudantes brasileiros que deseja ir para o exterior escolhe fazer um intercâmbio no Canadá? As razões para a escolha do Canadá para as suas férias são infinitas e as opções são para todos os gostos e idades.

As Cataratas de Niágara, os maiores e mais modernos edifícios do mundo, o Stanley Park em Vancouver, as Rocky Mountains, o Banff National Park e o maior shopping center do mundo, o Canadá tem de tudo e é certeza de expectativa superada para até os mais viajados.

As Cataratas do Niágara estão entre as atrações mais populares do país. Mesmo a 100 metros de distância você ouve o barulho impressionante da queda de água, que são a fronteira natural entre os EUA e o Canadá, e provavelmente um dos programas mais populares do mundo natural.

O Canadá é conhecido por sua grandeza e há ainda muitos milhares de hectares de selva virgem de solidão. Em Banff National Park, no entanto, não estará sozinho, e para lhe fazer companhia existem alces, ursos e lobos.

As Rocky Mountains ou Montanhas Rochosas oferecem opções espetaculares para esquiar  e trilhas ideais para caminhadas. A beleza das montanhas do país é conhecida em todo o mundo e seus parques são verdadeiramente únicos.

Se após a imersão na natureza, você deseja um pouco mais de civilização, que tal o Edmonton Mall, o maior centro comercial e de entretenimento em todo o mundo. Dentro deste shopping center gigante, há mais de 800 lojas, bares, restaurantes, cinemas e mais de 20 atrações de lazer, incluindo bungee jumping.

No Stanley Park a maior area de lazer natural em Vancouver, inclui inúmeras praias de areia, um aquário gigante, piscinas, teatros, parques para crianças, um mini trem e até um campo de golfe.

Cidades como Toronto, Vancouver e Montreal são oásis de asfalto, mas sempre muito limpas e arrumadas, com uma elevada qualidade de vida e muita coisa para fazer, como baladas, festivais, paradas, shows e outros eventos que agitam a vida dos canadenses e daqueles que escolhem fazer um intercâmbio para o Canadá.

Curiosidades sobre o Canadá

Se você deseja fazer um intercâmbio no Canadá, que tal conhecer algumas curiosidades desse país tão singular e atrativo para nós brasileiros? Aí vai uma lista com algumas bem surpreendentes, e outras nem tanto.

  • Com mais de 8 mil quilômetros, a fronteira entre o Canadá e os Estados Unidos é a maior entre 2 países em todo o mundo.
  • O Canadá é o segundo maior país do mundo em tamanho, com 6.204.186 de quilômetros quadrados, perdendo somente para a Rússia.
  • A bandeira canadense em vermelho e branco, com uma folha (maple leafe) no centro, foi adotada em 1965 pelo parlamento. Até então o país não possuía uma bandeira, e utilizava a Union Flag do Reino Unido!!!!
  • Alert, em Numavut é o povoado permanente mais ao norte do mundo. O ultimo census registrou 5 moradores.

  • O hóquei no gelo como conhecemos foi inventado no Canadá em 1877.
  • O Canadá possui o maior litoral do mundo, com 243.976 quilômetros quadrados de faixa litorânea. Além disso, o país contém 9% de todo o suprimento de água do planeta.
  • O Lago Manitou, na Ilha Manitoulin, no Lago Huron é o maior lago dentro de um lago no mundo.
  • O nome Canadá vem da palavra Iroqui Kanata, que significa povoado.
  • Os moradores de Toronto possuem mais qualificação acadêmica que qualquer outra cidade no mundo.
  • A luva de baseball foi inventada no Canadá em 1883.
  • A maioria da população canadense vive a menos de 200 quilômetros da fronteira com os Estados Unidos
  • A primeira comida congelada do mundo foi inventada no Canadá pelo cientista Archibald Huntsman em 1929.
  • O Canadá é o país com maior quantidade de lojas de rosquinhas por habitantes no mundo.
  • É o país com mais lagos em todo o mundo.

  • O zipper moderno foi inventado no Canadá por Gideon Sundback, que recentemente havia perdido sua esposa.
  • Justin Bieber é canadense.
  • Os filmes da série crepúsculo foram filmados no Canadá.

E a ultima curiosidade: Você sabia que um intercâmbio para o Canadá é o mais procurado entre os brasileiros que querem fazer um curso de idioma no exterior???

Inglês para negócios com o teste TOEIC

Atualmente o domínio do idioma inglês é essencial para qualquer pessoa, tanto no cotidiano quanto no mercado profissional. E a cada dia mais as pessoas vem buscando aprender a língua, ganhar fluência e obter domínio completo. Através de um intercâmbio para o Canadá, com um curso preparatório pro teste TOEIC, você se colocará um passo a frente dos demais, sendo capaz de atestar sua excelência em inglês com um diploma oficial e mundialmente reconhecido.

teste ToeicO TOEIC, uma sigla para Teste de Inglês para Comunicação Internacional (Test of English for International Communication) foi desenvolvido por uma empresa chamada ETS, a pedido do Ministério da Indústria e Comércio Exterior do Japão no final dos anos 70. O exame está dividido em partes, sendo elas a compreensão da leitura, compreensão auditiva, fala e escrita. Em geral, é feita por estudantes recém formados ou no ultimo ano de faculdade que desejam um diferencial para entrar no mercado de trabalho.

Diferente de outros testes, o TOEIC está direcionado para o mercado de trabalho, por isso seu conteúdo está baseado em vocabulários de negócios, e com uma abordagem voltada para o âmbito profissional.

Pontos altos…

Além de sua preparação ser capaz de transformar o inglês até dos mais experientes, o exame é amplamente utilizado e reconhecido na maioria das empresas, sendo que uma nota superior a 785 garante você como um “usuário avançado”, o que significa que o candidato é capaz de “compreender idéias principais de temas concretos e abstratos, além de uma discussão técnica, e se comunica de forma fácil com um nativo anglo – saxão.”

Pontos baixos…

A validade do diploma é de 2 anos, e é necessário ser feito o teste completo para que o mesmo tenha validade. Não são oferecidos descontos, e o preço pode chegar a até €192.

 Cursos de negócios

Se você está pronto para fazer um intercâmbio no Canadá ou outro país de língua inglesa, e acredita que chegou a hora de levar seu conhecimento no idioma para um próximo nível, talvez o curso preparatório e o diploma TOEIC no exterior sejam o melhor desafio, e a forma ideal para mostrar ao mercado de trabalho suas capacidades!

O vinho canadense

A verdade é: se você pensar no Canadá, dificilmente virá a sua mente a palavra “vinhos”. As imagens que nos vem a cabeça das enormes montanhas rochosas cobertas de neve nos passam a idéia de um lugar difícil de se encontrar vinícolas. As tundras cobertas de neve também não nos proporcionam a idéia de uma boa safra. Porém, quem mora ou faz um intercâmbio no Canadá sabe que esse país é muito maior do que montanhas e neve, e deixando estereótipos de lado, você pode descobrir gostos muito surpreendentes.

Nos últimos 30 anos a indústria do vinho no Canadá vem trabalhando de forma incansável para mostrar que o país é capaz de produzir vinhos com aromas sutis, sabores complexos e potencial de envelhecimento. Assim como em outros países com uma forte cultura de vinhos, como França, Itália e Alemanha, o governo canadense exige padrões de qualidade dos vinhos produzidos no país através de um sistema regulatório chamado VQA (Vintners Quality Alliance). Esse corpo garante não só a qualidade, mas também a identidade e autenticidade dos vinhos canadenses.

E onde podem ser encontradas as vinícolas canadenses?

Em busca de clima mais temperado, a maioria dos produtores de vinho canadense se estabeleceu na parte sul do país, colocando o coração da produção ao longo da fronteira com os Estados Unidos. Os principais vinhos são produzidos nas províncias da British Columbia, Ontário, Quebec e Nova Escócia, com destaque para as duas primeiras.

Quais são as mais famosas?

Para quem faz um intercâmbio em Vancouver, ou está nas proximidades, a British Columbia é provavelmente a mais prestigiada província, contando com o Okanagan Valley como a mais famosa região, com inúmeras vinícolas localizadas no cenário paradisíaco, próximas ao lago e rio Okanagan. Além do seu prestigio como produtoras,são também as mais desenvolvidas no setor turístico, oferecendo variados passeios e tours. O segredo do sucesso na região está no seu clima seco e ensolarado, e suas paisagens áridas, que lembram bastante o cenário vinicultor californiano.

Outro ponto famoso é a península de Niágara, localizada na fronteira da província de Ontário com o estado de Nova Iorque. O micro clima produzido pelos lagos Ontário e Erie fazem da região um lugar excelente para a produção de vinho.

Apesar de jovem, e ainda não estar no patamar de grandes potências produtoras de vinho, as vinícolas canadenses tem muito a oferecer aos apaixonados por vinho e aos seus visitantes.

Para onde fazer intercâmbio?

Todos nós temos afinidade com um lugar ou sonho de conhecer um determinado país e cultura. Os fatores principais para decidir qual país é o ideal para um intercâmbio são variados, mas existem alguns que você deve sempre ficar atento:

Neve Canadá

  • Clima: Esse é um dos primordiais. No Brasil a variação de temperatura não é tão grande quanto no Canadá, por exemplo, e se uma pessoa não gosta de frio, um intercâmbio em Vancouver no inverno pode ser uma escolha desastrosa. Para quem busca destinos mais quentes: África do Sul, Malta, Austrália, além de Florida e Califórnia nos EUA são excelentes opções para primavera e verão. Agora, se você quer mudar radicalmente e viver o verdadeiro charme do inverno, a parte norte dos EUA, o Canadá, e Irlanda devem ser considerados.
  • Custo de vida: Morar no exterior nunca é barato, mas existem lugares mais caros que os outros. Os grandes centros como Londres, Nova York e Toronto sempre terão um custo de vida maior que cidades menores como Brighton, Calgary e São Francisco por exemplo. Além disso, o próprio custo da moeda, como por exemplo a Libra em relação ao Rand sul africano.
  • Comunidade brasileira: Nós brasileiros estamos por todos os lados. Mas alguns lugares possuem uma concentração maior e isso pode ser bom ou ruim dependendo do que você busca. Se o objetivo é praticar o idioma ao máximo talvez seja interessante fugir de lugares como Irlanda, Miami (EUA) ou Toronto (Canadá).
  • Vistos: Para alguns países, brasileiros podem viajar somente com o passaporte (Irlanda), enquanto para outros é exigido visto de turista ou estudante (EUA). Nesse caso, dependendo da sua pressa, as questões burocráticas de visto devem ser levadas em consideração.
  • Lazer: Uma parte importante de um intercâmbio é o que fazemos com nossas horas livres. Se você gosta de sair à noite, freqüentar baladas e conhecer lugares mais agitados, uma cidade pequena dificilmente vai lhe agradar. É muito importante buscar uma cidade que esteja de acordo com o seu estilo de vida.
  • Opções para viajar: Todo intercambista é um turista, e se você já está fora do Brasil o ideal é aproveitar ao máximo. A Europa é excelente em questão de infra- estrutura, e você pode conhecer diversos outros países com pouco dinheiro e tempo. Alguns outros lugares como Havaí e África do Sul por serem mais afastados podem limitar suas opções.
Viajar na Europa

Apesar de inconvenientes como desfonforto, na Europa as cias aéreas de baixo custo possibilitam viagens para diversos países com poucos euros.

Lembre-se também que consultar pessoas que já viajaram é essencial antes de decidir o país de destino. Basta buscar na internet onde há milhares de fóruns com relatos de pessoas que fizeram intercâmbio no Canadá, Inglaterra, Irlanda e muitos outros destinos. Boa viagem e aproveite!

A cidade subterrânea de Toronto

Path é o maior complexo comercial subterrâneo do mundo, localizado no centro da cidade de Toronto. É um lugar com enorme fluxo de pessoas, no centro da cidade, que inclui lojas das mais variadas e é um excelente local para fazer compras se você está passeando ou fazendo um intercâmbio no Canadá.

O pontapé inicial do Path data no início do século XX, quando a loja de departamento Eaton Co. construiu um túnel subterrâneo conectando sua loja principal com uma filial localizada a algumas quadras de distância. Porém, foi nos anos 60, com o surgimento de novos e enormes edifícios no centro da cidade expulsando os comerciantes menores que o Path encontrou um motivo real e coletivo para sua expansão. Atualmente, o sistema conta com 27 quilômetros de distância, conectando mais de 50 prédios no centro da cidade, 5 estações de metrô, uma de trem e com 130 pontos de acesso as ruas de Toronto. Além disso, muitos pontos turísticos como o  CN Tower, o Rogers Center e a prefeitura da cidade também estão conectados diretamente com o Path.

No total, a cidade subterrânea oferece cerca de 1200 lojas para os mais de 100 mil pedestres diários (número que aumenta consideravelmente durante os meses mais frios), gerando aproximadamente 5 mil empregos para a população de Toronto. Nos meses de inverno o Path se mostra extremamente eficiente, já que enquanto nas ruas a temperatura pode chegar a muitos graus negativos, e na enorme cidade subterrânea ela se mantém sempre entre os 18 e 21°C. O complexo oferece um pouco de tudo, com muitos restaurantes, lojas de departamento, livrarias, jogos, lojas de material esportivo e etc. A lista completa de todos os estabelecimentos pode ser encontrada no próprio site oficial, bem como um mapa para melhor orientação. Para os próximos anos a prefeitura de Toronto já anunciou uma expansão do sistema, que praticamente irá duplicar seu tamanho atual.

Toronto Path

O modelo subterrâneo está presente em outras cidades do mundo, como a também canadense Montreal, além de Cingapura, Osaka e Minneapolis. Atualmente, quem faz um intercâmbio para o Canadá, em Toronto, sabe da importância do Path na vida cotidiana e agradece muito pela sua existência principalmente nos dias mais frios.